Cadernos NAUI > Edição Atual > Vol. 11, n° 20, jan-jun 2022

ISSN 2358-2448

 

SOBRE A REVISTA EDIÇÃO ATUAL   EDIÇÕES ANTERIORES   DIRETRIZES PARA AUTORES   CORPO EDITORIAL   CONTATO  

Editora Chefe
Alicia Norma González de CastellsEditores
Dagoberto Bordin
Paola Peciar
Simone Lira da Silva
Vladimir Fernando StelloEditores do dosssiê
Dagoberto Bordin
Miriam Santini de Abreu
Comissão Editorial
Ana Cristina Rodrigues Guimarães
Camila Sissa Antunes
Dagoberto Bordin
Fabricio Rocha da Silva
João Paulo Schwerz
Nauíra Zanardo Zanin
Paola Luciana R. Peciar
Patrícia Martins
Rafael de Oliveira Rodrigues
Simone Lira da SilvaDiagramação e formatação
Artur Hugo da Rosa (capa)
Barbara Mendes Lima
Fernanda Luiza Godinho
Moema Cristina Parode
Newan Acacio Oliveira de Souza

Imagem de Capa
Guilherme Gitahy de Figueiredo
edição


Editorial

Prezados Leitores,

Apresentamos mais um número da revista eletrônica criada e editada pelo Núcleo de Pesquisa Dinâmicas Urbanas e Patrimônio Cultural (NAUI), do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), publicação semestral que reúne artigos inéditos, resenhas, traduções, entrevistas, dossiês temáticos e ensaios fotográficos. Cadernos NAUI nasce do desejo de compartilhar pesquisas e reflexões sobre antropologia urbana, patrimônio cultural e memória, a partir de uma visão integrada do fenômeno social e das relações de diversos atores sociais.

Neste número, apresentamos o dossiê temático “Potencialidades da mídia não hegemônica nas dinâmicas urbanas”, organizado por Dagoberto Bordin e Míriam Santini de Abreu. Sob a temática dos estudos sobre o patrimônio imaterial, o dossiê dá visibilidade e propõe reflexões sobre as questões relativas aos meios alternativos de informação como determinantes de ações sociais, especialmente em contextos urbanos. Os debates giram em torno das experiências, às vezes efêmeras, dos arranjos possíveis para a defesa de interesses não hegemônicos. São estratégias de resistência e de enfrentamento à comunicação comercial. São formas de luta pelo exercício do direito à informação, com vistas à consolidação da cidadania.

Para finalizar, apresentamos entrevista com o Dr. Alejandro Balazote Oliver, antropólogo argentino e professor da Universidade de Buenos Aires, que nos brinda com reflexões sobre o papel da Antropologia frente à realidade social no enfrentamento de problemas centrais da sociedade latino-americana.

Agradecemos aos organizadores do dossiê e a todos os autores e pareceristas que contribuíram com nossa revista. Esperamos que esta publicação estimule a todos para a produção de novos materiais que possam fazer o Cadernos NAUI cada vez mais uma referência na bibliografia sobre patrimônio cultural e dinâmicas urbanas.

Desejamos boa leitura a todos!

Os editores.


Dossiê Potencialidades da mídia não hegemônica nas dinâmicas urbanas

 

Acesse aqui a edição completa

Editorial

Sumário

Apresentação

Artigos

Utopia: uma rádio e um jornal comunitários na Praia da Pinheira
Dagoberto Bordin

A experiência urbana no jornalismo independente: entre conceitos e práticas
Míriam Santini de Abreu

Rádios comunitárias: ativismos e resistência nas redes sociais
Maria Inês Amarante

Rádio Campeche e a participação popular no Plano Diretor de Florianópolis na perspectiva do jornalismo libertador
 Elaine Tavares

Narradores do Monte Serrat
Guilherme Ruchaud

Comunicação popular e a experiência do “Jornal Comunitário” de São Miguel do Oeste/SC
Claudia Aparecida Weinman; Julia Saggioratto

Cruzar o muro para escutar: memórias e pertencimento no Quilombo Flores (Porto Alegre, RS)
 Luiza de Britto Dorneles

La Cueva del Aullido y los Kantantes
Lenin Enrique Ignacio Vásquez

Ativismo e mídia independente em tempos de devastação social: notas da insurreição juvenil na Grande Buenos Aires
Valdeci Reis

Tecendo identidades abertas: a experiência do Laboratório de Comunicação Intercultural e suas redes na Panamazônia
Guilherme Gitahy de Figueiredo

A questão do crédito no trabalho de arranjos alternativos às corporações de mídia
Dairan Paul

Entrevista: De uma Antropologia dos inundados a uma Antropologia dos processos sociais, econômicos e culturais de amplo alcance
Com Alejandro Balazote Oliver
Ana Cristina Rodrigues Guimarães

 

 


Esta edição está indexada em:

DOAJ – Directory of Open Access Journals

Google Acadêmico

Sumários.org